Trump prevê vacina contra Covid-19 pronta antes das eleições dos EUA

Compartilhe

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou, nesta quinta-feira (6), que a vacina contra o coronavírus (Covid-19) nos EUA poderá surgir antes das próximas eleições presidenciais, que acontecerão no dia 3 de novembro. A fala do mandatário foi feita durante uma entrevista a um programa de rádio local.

A previsão de Trump é bem mais otimista do que a dos membros da Casa Branca que estão na linha de frente no combate à pandemia. Em relação ao prazo estipulado, o mandatário não deu nenhuma data, porém afirmou que é possível que uma vacina seja lançada “muito antes do fim do ano”.

Em contrapartida à fala de Trump, o epidemiologista dos EUA, Anthony Fauci, disse que o desenvolvimento da vacina não deverá seguir o calendário eleitoral. Além disso, Fauci disse que as primeiras doses deverão ser disponibilizadas ao público somente no início do ano que vem.

Em entrevista concedida, também nesta quinta, o presidente Trump também afirmou que está sendo “injustamente censurado” pelas redes sociais: Facebook e Twitter. Na última quarta-feira (5), as duas redes sociais excluíram um vídeo postado pelo presidente dos EUA, alegando que o mandatário estava divulgando “informação falsa”. Isso porque, nas imagens, o presidente norte-americano afirmava que crianças eram “virtualmente imunes ao covid-19”.

Nos Estados Unidos, o coronavírus já fez 159 mil vítimas fatais. O vírus infectou 4,8 milhões de pessoas no país norte-americano. No mundo inteiro, a doença matou 706 mil pessoas e infectou 18,8 milhões. Os EUA lideram o ranking de países com o maior número de mortes em decorrência da doença, seguido de Brasil e México. Na última segunda-feira (3), o membro da OMS, Didier Pittet, classificou os três países citados anteriormente como “uma ameaça ao resto do mundo”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *