Avião da Força Aérea dos EUA cai na Carolina do Sul

Compartilhe

O acidente ocorreu durante uma ‘missão de treinamento de rotina’

Um   piloto da Força Aérea foi morto depois que seu F-16 caiu durante uma “missão de treinamento de rotina” na Carolina do Sul.

O acidente na Base da Força Aérea de Shaw na noite de terça-feira é o quarto envolvendo um  caça americano  desde maio.

“O piloto do F-16CM, que caiu aproximadamente às 23h30 do dia 30 de junho de 2020, durante uma missão de treinamento de rotina aqui na Base da Força Aérea de Shaw, SC, foi declarado morto”, disse o  20º Fighter Wing  em comunicado.

A causa do acidente não era conhecida imediatamente, enquanto a identidade do piloto estava sendo retida, com notificação pendente de parentes próximos.

Em meados de junho, um F-15C Eagle da Força Aérea dos EUA colidiu com o Mar do Norte, na costa norte da Inglaterra, durante um exercício de treinamento de rotina, também matando seu piloto.

Esse avião fazia parte da 48a asa de caça, com sede na Royal Air Force Lakenheath, localizada a 70 milhas a nordeste de Londres.

Em 19 de maio, um F-35A Lightning II, que custa cerca de US $ 90 milhões, caiu ao pousar na Base da Força Aérea de Eglin, na Flórida. Foi designado para o 58º Esquadrão de Caça e esse piloto ejetou da aeronave.

Dias antes desse acidente, um avião de caça F-22 caiu 20 quilômetros da mesma base durante um voo de treinamento de rotina. O piloto também ejetou com sucesso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *