Taiwan realiza manobras militares após China aumentar suas atividades na região

Compartilhe

Nesta quinta-feira (2), as Forças Armadas de Taiwan realizaram exercícios de fogo real na costa ocidental do país, praticando a “aniquilação de inimigos”.

Taiwan tem contestado nos últimos meses as repetidas patrulhas da Força Aérea da China próximo a seu território, por vezes cruzando seu espaço aéreodivulga a agência Reuters.

A China considera que a ilha é parte integrante de seu próprio território, e nunca renunciou ao uso da força para reassumir seu controle. Contudo, os sucessivos governos na ilha não demonstram interesse no projeto chinês de integração.

As manobras, em uma área costeira diante do estreito de Taiwan, simularam a defesa contra uma eventual tentativa de desembarque de forças inimigas, afirmou o Ministério da Defesa de Taiwan.

As manobras tinham como objetivo aprimorar a prontidão do país na “aniquilação de inimigos na costa” e prevalecer em um possível conflito. Os exercícios contaram com modernos caças F-16V, helicópteros de ataque Apache, tanques e artilharia, que dispararam munições reais, acrescentou o ministério.

As Forças Armadas da ilha são bem treinadas e equipadas, principalmente com armas fabricadas nos EUA. No entanto, as forças chinesas, que têm passado por um grande programa de modernização, superam em número de efetivos e em quantidade de embarcações e aeronaves à disposição em um eventual ataque.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *