Presidente do Corinthians diz não se preocupar com o São Paulo: “Pode colocar sub-15, sub-20…”

Compartilhe

Presidente do Corinthians, Andrés Sanchez concedeu mais uma entrevista coletiva online na manhã deste sábado, véspera do duelo com o Oeste em Barueri, em jogo decisivo pela classificação para as quartas de final do Paulistão.

Irritado com comentários de alguns jornalistas e torcedores sobre a possibilidade de o São Paulo não fazer força no jogo contra o Guarani, já que um bom resultado do Bugre pode tirar o Timão do torneio, o dirigente começou a conversa dizendo não se importar com o que acontecerá na Vila Belmiro.

– Faz parte do folclore do futebol, mas é uma irresponsabilidade falar isso. Não tem nada a ver com o São Paulo. O São Paulo pode colocar o sub-15, sub-20, sub-30. Temos de nos preocupar em fazer o nosso jogo, tentar ganhar. O Oeste vai dar a vida e temos de dar a vida mais ainda.

– Se quiser seguir a programação de jogar com sub-15, sub-17, sub-10, o São Paulo tem liberdade para fazer o que quer e pode. O Corinthians não tem nada a ver com isso. Aqui não vai ter chororô, insinuação de nada, especulação. Futebol se joga no campo. Tem de ganhar primeiro nosso jogo, aí depois os outros que se virem.

Atual tricampeão paulista, o Corinthians tem apenas 14 pontos na tabela e ocupa a terceira posição do Grupo D. O Guarani, com 16, não pode vencer. Empate depende de combinação de resultados (clique aqui para simular resultados da última rodada).

– O Corinthians sabe dos seus defeitos e erros, estamos nessa situação por problemas nossos. Fizemos um péssimo início de campeonato, fizemos dois jogos bons antes da parada, contra São Paulo e Santos. Nos outros fomos mal. Jogadores, comissão técnica e diretoria sabem disso. Não estamos preocupado se o São Paulo vai fazer isso ou aquilo, deixar para lá ou para cá. Temos de tentar ganhar o jogo. Nosso objetivo era ganhar os dois jogos depois da pandemia. Nossa programação não mudou nada, temos folga segunda, terça e quarta. Se tiver mudança domingo, a gente vai rever.

Andrés Sanchez em entrevista coletiva 

Andrés admitiu ainda que uma queda precoce deixaria uma mancha na temporada.

– Quando foi dormir na quinta-feira estava em um país, na sexta acordei em outro país. Já era o time a ser batido e vai ser campeão. Sabemos da nossa responsabilidade. É muito feio o Corinthians não se classificar. Ficar fora na primeira fase é uma vergonha, mas não será a primeira nem a última vez. Estamos trabalhando para fazer nossa obrigação – destacou o dirigente.

O Timão fez um treino na manhã deste sábado e enfrenta o Oeste no domingo, às 16h, em Barueri

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *