Os responsáveis ​​pela explosão de Beirute “pagarão pelo que aconteceu”, diz o primeiro-ministro libanês

Compartilhe

O primeiro-ministro libanês Hassan Diab disse que a explosão de terça-feira na capital libanesa “não passará sem responsabilidade” e “os responsáveis ​​pagarão pelo que aconteceu”.

Ele disse que uma investigação sobre a explosão incluirá “revelações que serão anunciadas sobre este armazém perigoso que está presente desde 2014”, sem fornecer detalhes adicionais.

Descrevendo a explosão como uma “catástrofe”, ele disse em um comunicado na televisão que a prioridade agora era recuperar os mortos e tratar os feridos. 

Ele concluiu fazendo “uma chamada de emergência a todos os países que amam este país para apoiar-nos e ajudar-nos a curar nossas feridas profundas”.

Pelo menos 50 mortos na explosão de Beirute, diz ministro da Saúde

O número de mortos na explosão de Beirute dobrou para pelo menos 50 mortos, com muitos mais mortos, disse o ministro da Saúde Hamad Hassan a jornalistas na terça-feira.

Pelo menos 2.750 pessoas ficaram feridas na enorme explosão que abalou a capital, disse Hassan.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *