Nuvem funil e Tromba d’ Água chamam atenção de moradores no Sul de SC

Compartilhe

O Fenômeno ocorre se a base da nuvem não tocar o solo. Em Itapoá, foi visto um fenômeno parecido, uma tromba d’água.

Uma nuvem tipo funil chamou a atenção de moradores de Forquilhinha, no Sul catarinense nesta quarta-feira (10). Apesar do formato, não se trata de um tornado, já que a nuvem não chega a tocar o solo.

De acordo com o meteorologista da NSC, Leandro Puchalski o fenômeno ocorre normalmente no verão, “quando se tem um ar quente e úmido de origem tropical, do Centro-Norte do Brasil”. O fenômeno não é perigoso, pois não toca o solo.

A nuvem tipo funil tem um “grande desenvolvimento vertical”, conforme o meteorologista. “Entre a base e o topo, tem 14, 15 quilômetros de altura”, explicou. Com a altitude, a temperatura no topo vai diminuindo e essa diferença com a base ajuda a gerar vento dentro da própria nuvem.

Já no Norte do estado, em Itapoá houve relato de uma tromba d’água. Segundo Puchalski, trata-se do mesmo tipo de nuvem, mas a diferença é que ela toca a água, no caso o mar. Nessa situação, pode haver perigo para embarcações, caso estejam próximas à base da nuvem.

Apesar dos fenômenos registrados não há relatos de danos e nem vítimas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *