Ataque de mísseis em uma estação ferroviária em Kramatorsk deixa 30 mortos e 300 feridos na Ucrânia

Compartilhe

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, disse na sexta-feira que cerca de 30 pessoas foram mortas em um ataque com mísseis em uma estação ferroviária na cidade oriental de Kramatorsk, e afirmou que cerca de 300 ficaram feridas.

Em um discurso ao parlamento da Finlândia na sexta-feira, Zelensky disse que “os militares russos atingiram o terminal ferroviário”, acrescentando que “há testemunhas, há vídeos, há restos dos mísseis e pessoas mortas”.

Ele descreveu o terminal ferroviário como um “comum” e “de base”, com “pessoas lotadas esperando que os trens fossem evacuados para o território seguro”.“Por que eles precisam dessa guerra contra a Ucrânia? Por que eles precisam atingir civis com mísseis? Por que essa crueldade que o mundo testemunhou em Bucha e outras cidades libertadas pelo exército ucraniano?”, perguntou Zelensky.

Ao dizer que aqueles que “lutam pela liberdade” devem ser apoiados, Zelensky acrescentou que “as pessoas comuns entendem essas coisas e esse conceito mais do que alguns líderes influentes. Os países menores entendem isso melhor do que alguns dos países maiores”.

O discurso virtual de sexta-feira ao parlamento finlandês foi o vigésimo terceiro discurso de Zelensky a um parlamento estrangeiro desde que a Rússia invadiu a Ucrânia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.