China confirma primeira infecção humana da cepa H3N8 da gripe aviária

Compartilhe

As autoridades de saúde chinesas confirmaram a primeira infecção humana da cepa H3N8 da gripe aviária, embora tenham esclarecido que o risco de transmissão em massa entre pessoas é baixo, relata a Reuters .

Esta variante circula desde 2002 depois de aparecer inicialmente em aves aquáticas norte-americanas. O vírus, que  infectou cavalos, cães e focas , não havia sido detectado em humanos até agora.

Na terça-feira, a Comissão Nacional de Saúde da China informou que um menino de quatro anos que vive na província central de Henan testou positivo para a cepa H3N8 depois de ser hospitalizado no início deste mês com febre e outros sintomas da doença. A família do menor cria galinhas em casa e reside em uma área habitada por patos selvagens, detalhou a agência.

De acordo com os testes realizados, a criança foi diretamente infectada por pássaros, enquanto “nenhuma anomalia” foi detectada nos contatos humanos próximos do paciente, então a comissão decidiu que o caso era uma “transmissão única entre espécies e o risco de transmissão em larga escala transmissão é baixa “, segundo a AFP.

No entanto, as autoridades chinesas alertaram os cidadãos para ficarem longe de pássaros mortos ou doentes e consultarem um médico sempre que tiverem febre ou alguns sintomas respiratórios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.