China está construindo o radar mais poderoso do mundo para detectar asteroides perigosos

Compartilhe

A construção do radar “de maior alcance do mundo”, que será capaz de detectar objetos a uma distância de 150 milhões de quilômetros da Terra, começou na China, informou o jornal chinês  Global Times .

O enorme complexo multifacetado chamado China Fuyan (“olho facetado” em chinês) consistirá de radares distribuídos com mais de 20 antenas, que terão um diâmetro de 25 a 30 metros, e estarão localizados no município de Chongqing, no sudoeste do país.

O projeto é liderado pelo Instituto de Tecnologia de Pequim e observatórios astronômicos da Academia Chinesa de Ciências, Universidade de Tsinghua e Universidade de Pequim.

Segundo Long Teng, diretor do Instituto de Tecnologia de Pequim, o programa será desenvolvido em três etapas.

Na primeira, serão instalados quatro radares de 16 metros de diâmetro para verificar a viabilidade do referido sistema e obter uma imagem 3D da Lua.

Atualmente, dois dos quatro radares já foram construídos e devem entrar em operação em setembro deste ano. 

A segunda etapa ampliará o número de antenas para mais de 20 e formará um sistema de radar distribuído de alta definição equivalente a 100 metros de diâmetro, que permitirá sondar e capturar imagens de asteroides a milhões de quilômetros de distância e verificar a tecnologia viabilidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.