Chuva forte provoca alagamentos no Rio

Compartilhe

Uma forte chuva que atinge o Rio levou o município a entrar em estágio de alerta às 23h15 desta quinta-feira (31). Ruas alagaram em vários bairros e a Defesa Civil informou que sirenes foram acionadas em áreas de risco da cidade.

O Centro de Operações da prefeitura (Cor Rio) informou ter registrado chuva acima de 60 milímetros, em 1 hora, nas estações Guaratiba (Zona Oeste), Jardim Botânico (Zona Sul) e Alto da Boa Vista.

Antes, por volta das 22h, o Cor Rio informou que houve registro de chuva forte na Zona Oeste e núcleos de chuva forte atuando próximos do litoral da cidade.

O estágio de alerta é o quarto nível em uma escala de cinco e significa que uma ou mais ocorrências graves impactam a cidade, ou há incidência simultânea de diversos problemas de médio e alto impacto em diferentes regiões.

Ruas alagadas

Moradores da Zona Norte relataram que vias no Rio Comprido e na Praça da Bandeira, por exemplo, alagaram. No Jardim Botânico, Gávea e Copacabana, na Zona Sul, a chuva transformou as ruas em rios e deixou pessoas ilhadas.

A comerciante Maria Aparecida Marcelino, que mora no Rio Comprido, gravou as imagens acima da Rua Barão de Petrópolis.

“Isso aqui é um absurdo. Ninguém olha por isso aqui. Toda vez que chove, nós temos esse problema. Dessa vez, não vou nem dizer que foi agravado pela Comlurb (greve dos garis). Sim, o povo também porque não tem educação. Joga lixo na rua sabendo que não tem coleta”, afirmou.

“O Rio Comprido fica isolado quando chove. Ninguém olha pela gente. É um absurdo isso. Tudo a gente tem que reclamar… Eu, pelo menos, sou pagadora dos meus impostos”, complementou a comerciante.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.