Ciclone em SC provoca estragos em 115 municípios, mortes e 44 mil pessoas afetadas

Compartilhe

O ciclone que influencia o tempo em Santa Catarina desde segunda-feira (2) provocou estragos em 115 municípios. Segundo o balanço divulgado pela Defesa Civil na tarde desta quinta-feira (5), 44 mil pessoas foram afetadas. Duas prisões também foram inundadas pela chuva, moradores ficaram ilhados e três pessoas morreram em ocorrências relacionadas ao mau tempo.

Balanço parcial, divulgado às 13h30 desta quinta:

  • Desalojados: 7.100;
  • Desabrigados: 518;
  • Região Sul é a área mais afetada;
  • Municípios que decretaram Situação de Emergência (SE): Tubarão, Orleans, Forquilhinhas, Urubici, Maracajá; Araranguá, São Joaquim; Lages e Laurentino;
  • Número de rodovias alagadas: 22;
  • Número de escolas estaduais com aulas suspensas: 154.

Com a inundação do presídio e da penitenciária de Tubarão, no Sul, nesta quinta-feira, 759 detentos foram transferidos para 14 unidades prisionais. Segundo a Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP) “internos que tiveram lesões” por conta da ocorrência de inundação “receberam atendimento de saúde”. Os detalhes não haviam sido divulgados até as 11h50 desta quinta.

Já adolescentes que estavam no Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório (Casep) da cidade, que não chegou a alagar, foram levados para São José, na Grande Florianópolis. As três unidades ficam no bairro Bom Pastor, mas em terrenos diferentes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.