Defesa apresenta ao TSE lista de militares que irão fiscalizar eleições

Compartilhe

Em meio ao atrito criado com o Judiciário, o Ministério da Defesa enviou ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) a lista com os nomes dos militares técnicos que acompanharão as eleições deste ano.

De acordo com o documento, obtido pela reportagem, o chefe da equipe será o coronel Marcelo Nogueira de Souza, do Exército. Ao todo, são dez membros – quatro do Exército, três da Aeronáutica e três da Marinha.

Confira os nomes indicados pelo Ministério da Defesa:
• Coronel Marcelo Nogueira de Souza (Exército), chefe da equipe;
• Coronel Wagner Oliveira da Silva (Força Aérea);
• Coronel Ricardo Sant’ana (Exército);
• Capitão de fragata Marcus Rogers Cavalcante Andrade (Marinha);
• Capitão de fragata Helio Mendes Salmon (Marinha);
• Capitão de fragata Vilc Queupe Rufino (Marinha);
• Tenente-coronel Rafael Salema Marques (Força Aérea);
• Major Renato Vargas Monteiro (Exército);
• Major Marcio Antônio Amite (Exército); e
• Capitão Heitor Albuquerque Vieira (Força Aérea).

O ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira, saudou o TSE. “Aproveito a oportunidade para agradecer a Vossa Excelência pelas manifestações de apreço e de consideração, bem como renovo a permanente interlocução deste Ministério com a Corte Eleitoral, tendo como maior propósito contribuir para fortalecer o processo eleitoral brasileiro”, disse

O tom do comunicado enviado ao TSE é diferente do observado em documento encaminhado pelo ministro no último dia 10. Na ocasião, o militar reclamou ao presidente Edson Fachin de que as Forças Armadas não se sentem prestigiadas pela Corte, já que sugestões de melhorias para o sistema eleitoral dadas por militares não foram acatadas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.