Flamengo reforça apoio a Domènec e vai repreender Arrascaeta por tuíte

Compartilhe

A diretoria do Flamengo reforçou o apoio ao técnico Domènec Torrent, que tem tido um início de trabalho turbulento, e decidiu repreender Giorgian De Arrascaeta pelo tuíte feito na segunda-feira, que colocou mais pimenta no ambiente rubro-negro.

A informação é do jornalista da ESPN Brasil Mauro Cezar Pereira nesta terça-feira (25).

Arrascaeta não foi escalado por Domènec no empate com o Botafogo por 1 a 1, no domingo (23), embora tenha participado dos outros quatro jogos sob o comando do treinador. Diante do Coritiba (1 a 0) e do Grêmio (1 a 1), ele jogou os 90 minutos.

Ao ser questionado sobre a ausência de Gerson e Arrascaeta, Domènec disse que decidiu após sentir que havia jogadores longe da forma ideal. Disse: “Muitas vezes, os melhores são os que estão na forma ótima. Vamos tentar jogar sempre com os melhores”.

O uruguaio utilizou o Twitter para se expressar e escreveu: “Tem muita gente me perguntando se tenho alguma lesão, estou 100%, graças a Deus”. A ESPN confirmou que a mensagem não foi casual. Ele ficou insatisfeito com as justificativas do treinador.

Mauro Cezar explica (vídeo no topo) que a direção reforçou o apoio ao treinador após o ocorrido e confirmou que ele segue prestigiado. Ao contrário dos pedidos em redes sociais pela demissão ao espanhol, não cogita uma troca no comando.

De acordo com o jornalista, há o entendimento entre os cartolas de que o treinador não teve tempo necessário para desenvolver minimamente seu trabalho. Compreendem que ele não foi feliz nas escolhas feitas na derrota vergonhosa para o Atlético-GO (0 x 3), mas nos outros jogos não foi o único responsável pela atuação do time.

Ainda sobre Arrascaeta, a ausência dele contra o Botafogo foi estratégica, como costuma fazer Pep Guardiola nos times que treina e de quem Domènec foi auxiliar por dez anos. Ou seja, mesmo quando o jogador está bem fisicamente, ele pode poupá-lo.

Mauro Cezar recorda que isso é muito comum na Europa e dá um exemplo atual: Kevin De Bruyne. Eleito o melhor jogador da Premier League, o belga foi escalado por Guardiola no Manchester City em 35 partidas. Só atuou os 90 minutos em 20 delas, e em três ele veio do banco de reservas. Muitas vezes foi poupado sem ter qualquer problema físico.

Como Arrascaeta não é um jogador com histórico de problemas, a diretoria decidiu que apenas terá uma conversa com ele. Não se trata de uma advertência. Objetivo é evitar que vire rotina. Isto é, toda vez que um jogador deixa de jogar vá se queixar nas redes sociais.

Diretor de futebol, Marcos Braz deu declarações oficiais na segunda-feira na tentativa de acalmar o ambiente e, principalmente, os torcedores. O Flamengo é o 13º colocado, com uma vitória, no Campeonato Brasileiro. Pouco para o time campeão em 2019.

“A torcida está certa em fazer as cobranças, está correta e estamos aqui para analisar, ouvir todos, só que temos nossas avaliações e informações. O Domènec é um técnico que está começando um trabalho e não teve tempo nenhum para que começasse efetivamente a expor seu trabalho. Será dado a ele, como todos os outros que passaram aqui na gestão do Landim, o mesmo empenho, carinho e, mais do que nunca, a tranquilidade e paz que precisa para acertar”, afirmou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.