Governador russo acusa Ucrânia de bombardear cidade fronteiriça

Compartilhe

O governador da região de Bryansk, no sul da Rússia, acusa o exército ucraniano de bombardear uma cidade russa a cerca de 10 quilômetros de sua fronteira conjunta, ferindo civis.

“Hoje as Forças Armadas ucranianas dispararam contra a cidade de Klimovo. Como resultado do bombardeio, dois prédios residenciais foram danificados e alguns moradores ficaram feridos”, disse o governador Alexander Bogomaz no Telegram.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.