Moldávia teme ser invadida pela Rússia: ‘Ninguém está seguro’

Compartilhe

A primeira-ministra da Moldávia disse estar “muito preocupada” com uma possível invasão russa de seu país, acrescentando: “Ninguém está seguro”.

“É um cenário hipotético por enquanto, mas se as ações militares avançarem para a parte sudoeste da Ucrânia e para Odessa, é claro que estamos muito preocupados”, disse Natalia Gavrilița à CNN Internacional no domingo.

“Estamos muito preocupados, especialmente considerando que as tropas estão no território da região separatista da Transnístria”, disse Gavrilița. “Estamos fazendo todo o possível para manter a paz e a estabilidade e para garantir que os combates não aumentem.”

Ela acrescentou: “Se um país pode iniciar uma guerra de anexação sem qualquer respeito pelo direito internacional, nesse sentido, ninguém está seguro.

“Acho que muitos países estão preocupados.”

Para contextualizar:  a Rússia reivindicou território na costa sul da Ucrânia, mas, embora tenha realizado ataques aéreos na cidade portuária, não chegou até Odesa, apesar de ser um alvo importante devido à sua importância marítima – foi chamado o equivalente ucraniano de Dover. 

A Moldávia teme há muito tempo que, se Vladimir Putin chegar tão longe, pode ser o próximo alvo de Moscou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.