NASA revela a imagem mais nítida de uma galáxia perto da Via Láctea nunca antes vista pelo olho humano

Compartilhe

A NASA  publicou esta segunda-feira uma imagem de uma galáxia perto da Via Láctea que impressiona pela sua clareza, nunca antes vista pelo olho humano. 

Tirada pelo Telescópio James Webb , a foto de uma porção da galáxia da Grande Nuvem de Magalhães se destaca em comparação com a imagem borrada capturada pelo Spitzer, que esteve em órbita até janeiro de 2020 e foi o primeiro telescópio a “fornecer imagens de alta resolução do universo no infravermelho próximo e médio”. 

“O Webb, com seu espelho primário significativamente maior e detectores aprimorados, nos permitirá ver o céu infravermelho com mais clareza, permitindo ainda mais descobertas”, disse o comunicado divulgado pela agência espacial dos EUA. 

Assim, a imagem de Webb mostra o gás interestelar em detalhes sem precedentes . Em particular, a foto mostra “a emissão de ‘hidrocarbonetos aromáticos policíclicos’, ou moléculas de carbono e hidrogênio que desempenham um papel importante no equilíbrio térmico e na química do gás interestelar”, segundo a NASA. 

A agência também enfatizou que “quando Webb estiver pronto para iniciar observações científicas, estudos como esse […] ajudarão a dar aos astrônomos novos insights sobre o nascimento de estrelas e sistemas protoplanetários”.

Paralelamente, a equipe de Webb iniciou o processo de configuração e teste dos instrumentos do telescópio para iniciar as observações científicas neste verão. 

O Telescópio Espacial James Webb  foi lançado  em 25 de dezembro por um foguete Ariane 5. O dispositivo, considerado o mais poderoso e caro da história, permitirá aos astrônomos ver o espaço com novos ‘olhos’ e acessar cantos do universo até então inacessíveis. Além disso, é cem vezes mais potente que seu antecessor, o Hubble, que está prestes a completar 32 anos em órbita.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.