OMS diz que varíola dos macacos deve ser renomeado devido a preocupações de que seja ‘discriminatório’

Compartilhe

A Organização Mundial da Saúde (OMS) planeja mudar o nome da varíola dos macacos e está trabalhando com “parceiros e especialistas de todo o mundo” para esse fim,  anunciou  seu diretor-geral, Tedros Adhanom Ghebreyesus , na terça-feira.

A decisão ocorre dias depois de um grupo internacional de cientistas publicar um  documento  sobre a “necessidade urgente” de alterar a nomenclatura atual do vírus por ser “imprecisa” e “discriminatória”, além de “estigmatizar”. Especialistas criticam a atual narrativa da mídia, que se refere à varíola como “africana” e muitas vezes usa fotos de pacientes africanos para relatar sua disseminação.

Um porta-voz da OMS explicou à  Bloomberg  que o nome atual não atende às diretrizes da organização, que recomendam não usar regiões geográficas ou nomes de animais. Ao nomear uma doença, “o impacto negativo deve ser minimizado” e evitar ofender qualquer “grupo cultural, social, nacional, regional, profissional ou étnico”, enfatizou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.