OTAN inicia seus exercícios militares com 15 mil soldados próximo da fronteira russa

Compartilhe

Os exercícios, em que participam vários membros da NATO, bem como Finlândia, Suécia, Geórgia e Ucrânia, prolongam-se até 3 de junho.

Os exercícios militares Hedgehog 2022 (‘Hedgehog’, em inglês) começaram nesta segunda-feira na Estônia.

As manobras incluem cerca de 15.000 soldados, tanto estonianos quanto aliados do país báltico. Vários membros da OTAN participam nos exercícios, bem como Finlândia, Suécia, Geórgia e Ucrânia, que não fazem parte da Aliança. Vários países decidiram participar no último minuto, disse o vice-comandante das Forças de Defesa da Estônia, Veiko-Vello Palm, ao portal finlandês YLE.

Quanto aos objetivos do exercício, que durará até 3 de junho, o Ministério da Defesa da Estônia afirma  que “vai testar a prontidão de combate das Forças de Defesa da Estônia e a capacidade de responder a diferentes cenários de ameaças em um quadro internacional”.

Por seu lado, a NATO indica  que é “uma das maiores manobras” na Estónia desde que conquistou a independência em 1991. Segundo a porta-voz da Aliança, Oana Lungescu, trata-se de exercícios regulares, planeados “muito antes” da operação militar russa em Ucrânia. “[Os exercícios] ajudam a eliminar qualquer espaço para erros de cálculo ou mal-entendidos sobre nossa determinação de proteger e defender cada centímetro do território aliado. Os exercícios da Otan são defensivos, transparentes e alinhados com nossos compromissos internacionais”, disse ele.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.