Papa Franscisco sobe o tom e diz que ONU ‘não tem poder para parar guerra’

Compartilhe

O Papa Francisco criticou a ONU por sua incapacidade de parar as guerras. Uma declaração que o pontífice fez em entrevista à agência Télam que foi publicada nesta sexta-feira.

Respondendo à pergunta sobre se é possível alcançar a paz no mundo por meio da intervenção de organismos multilaterais, o líder máximo da Igreja Católica disse: “Depois da Segunda Guerra Mundial havia muita esperança nas Nações Unidas. não quero ofender, eu sei que tem gente muito boa que trabalha, mas a essa altura não tem poder de se impor”.

Segundo o pontífice, a ONU ajuda a prevenir guerras, como no caso de Chipre, mas “para parar uma guerra, para resolver uma situação de conflito como a que vivemos hoje na Europa, ou como as vividas em outras partes do mundo, não tem poder”, já que “a constituição que tem não lhe dá poder”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.