Polônia anuncia acordo recorde de armas com a Ucrânia

Compartilhe

O primeiro-ministro polonês Mateusz Morawiecki anunciou na terça-feira que seu país vai selar um acordo recorde para o fornecimento de armas à Ucrânia, informa a agência nacional PAP .

“Estamos no processo de assinar um dos maiores contratos de exportação de armas , se não o maior, dos últimos 30 anos . Estamos felizes por ter a oportunidade de vender nossas armas no exterior hoje”, disse Morawiecki em entrevista coletiva. fábrica de armas na cidade de Stalowa Wola. O executivo-chefe acrescentou que as armas polonesas “desempenharão um papel importante nos campos de batalha no leste da Ucrânia”

.O contrato, que Kiev pagará tanto por meio de recursos concedidos pela União Européia quanto com dinheiro de seu próprio orçamento, prevê o fornecimento de 56 unidades de obuses autopropulsados ​​AHS Krab de 155mm , detalha o médium. O custo é estimado em cerca de 3 bilhões de zlotys (cerca de US$ 698 milhões).

Enquanto isso, Varsóvia já forneceu a Kiev 18 unidades do sistema  AHS Krab , capazes de lançar projéteis a até 40 quilômetros de distância, até o final de maio. Além disso, ele treinou 100 soldados ucranianos para operar com esses obuses. Com esta última remessa, o número de obuseiros autopropulsados ​​produzidos no Ocidente é de 24, estima o portal polonês Wiadomosci .

Como parte de sua ajuda militar à Ucrânia, a Polônia também entregou cerca de 250 tanques T-72 , sistemas de lançadores de foguetes múltiplos Grad e  canhões autopropulsados ​​2S1 Gvozdika , todos de produção soviética.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.