Rússia alerta Noruega membro da OTAN sobre conflito no Ártico

Compartilhe

Moscou convocou o Charge d’Affaires Solveig Rossebo da Noruega sobre a proibição “inaceitável” da entrega de suprimentos para uma operação de mineração russa no Ártico nas Ilhas Svalbard na quarta-feira, disse o Ministério das Relações Exteriores da Rússia.

Os meios de comunicação noruegueses já haviam citado as autoridades como confirmando que os russos em Svalbard tiveram negada a isenção das sanções impostas a Moscou por seu conflito com a Ucrânia. 

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia disse que os mineradores e outros funcionários não conseguiram receber mercadorias “críticas” , incluindo alimentos, equipamentos médicos, materiais de construção e peças de reposição. 

Moscou prometeu “medidas de retaliação apropriadas” se a questão não fosse resolvida.

Svalbard já foi um foco de tensões diplomáticas entre Moscou e Oslo antes, quando a Noruega reforçou os requisitos de entrada após a visita de 2015 de um alto funcionário russo sob sanções da UE por causa da Ucrânia. A Rússia protestou que tal comportamento estava violando o tratado de 1920 que estabeleceu o domínio norueguês sobre as ilhas. 

Este mês, Moscou também acusou a Lituânia de violar a lei internacional ao suspender o trânsito de mercadorias sancionadas na região de Kaliningrado, um pequeno enclave russo no Mar Báltico, e no resto da Rússia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.