Ucrânia diz que ataque russo em Odessa matou 5, incluindo bebê de três meses

Compartilhe

Kiev diz que 18 pessoas ficaram feridas em ataque com mísseis no porto do Mar Negro, que atingiu instalações militares e dois prédios residenciais; Moscou continua ataque ao último reduto de Mariupol

Um ataque russo matou pelo menos cinco pessoas, incluindo um bebê, e feriu outras 18 na cidade ucraniana de Odessa, no Mar Negro, no sábado, disse Kiev, alertando que o número provavelmente aumentará.

“Cinco ucranianos mortos e 18 feridos. E esses são apenas os que conseguimos encontrar. É provável que o número de mortos seja alto”, disse o chefe do gabinete presidencial da Ucrânia, Andriy Yermak, no Telegram. “Um bebê de três meses estava entre os mortos.”

Mais cedo neste sábado, o ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba, disse: “O único objetivo dos ataques com mísseis russos em Odessa é o terror”.

A Força Aérea da Ucrânia disse que seus sistemas de defesa interceptaram dois mísseis russos TU-95 que, segundo ela, foram disparados do Mar Cáspio.

Mas disse que quatro outros mísseis atingiram a cidade, incluindo infraestrutura civil.

“Infelizmente, dois mísseis atingiram uma instalação militar e dois atingiram edifícios residenciais”, disse o comando sul da força aérea no Facebook.

Odesa, uma cidade e centro cultural em grande parte de língua russa, foi alvo anteriormente das forças de Moscou, que foram rejeitadas pela Ucrânia.

Enquanto isso, um assessor do gabinete presidencial da Ucrânia disse no sábado que as forças russas estão atacando uma usina siderúrgica que é o último reduto de defesa das forças ucranianas na cidade portuária estratégica de Mariupol.

Oleksiy Arestovich, assessor do chefe do gabinete presidencial da Ucrânia, disse durante uma entrevista no sábado que as forças russas retomaram os ataques aéreos em Azovstal e estão tentando invadi-lo.

“O inimigo está tentando suprimir completamente a resistência dos defensores de Mariupol na área de Azovstal”, disse Arestovich.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.