União Europeia prepara plano de emergência para ficar sem combustível russo

Compartilhe

O braço executivo da União Europeia se comprometeu a elaborar um plano de emergência destinado a ajudar os países membros a passarem sem a energia russa após a guerra na Ucrânia.

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, disse que a iniciativa se baseará nos movimentos da UE para abandonar o carvão, o petróleo e o gás natural russos e complementará um esforço de todo o bloco para acelerar o desenvolvimento de energia renovável, como energia eólica e solar.

“Estamos preparando planos de emergência para a Europa”, disse von der Leyen na cidade tcheca de Litomysl, onde ela marcou o início do período de seis meses do país como titular da presidência rotativa da UE.

“Os preços da energia estão altos. As pessoas – com razão – esperam que façamos algo a respeito.”

Ela disse que o plano de contingência, previsto para meados de julho, se concentrará em dois pontos-chave, incluindo ter uma “ideia clara” de onde cortar o fornecimento de energia russo e fazê-lo “de maneira inteligente”, bem como reunir Países da UE que enfrentam apertos de oferta.

“Precisamos de um plano bom e comum para que a energia flua, ou o gás flua, onde é mais necessário”, disse von der Leyen.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.