Ministra Cármen Lucia dá 5 dias para Bolsonaro explicar mudanças no 7 de Setembro

Compartilhe

A ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF), deu cinco dias para o presidente Jair Bolsonaro explicar mudanças no desfile de Sete de Setembro no Rio de Janeiro . O despacho foi dado em ação apresentada pelo partido Rede Sustentabilidade, que vê uso eleitoreiro de Bolsonaro.

Cármen também determinou que, após Bolsonaro, a Advocacia-Geral da União (AGU) e a Procuradoria-Geral da República (PGR) se manifestem em três dias. Depois de receber essas informações ela vaia analisar se dá uma decisão para atender ou rejeitar o pedido feito pelo partido para impedir as mudanças.

Em discurso na convenção do Republicanos que lançou a candidatura de seu ex-ministro Tarcísio de Freitas ao governo de São Paulo no último sábado, Bolsonaro afirmou que deve participar do desfile no Rio e que haveria uma inovação: o evento seria em Copacabana. A Parada Militar do 7 de Setembro na capital fluminense tradicionalmente ocorre no centro da cidade, na Avenida Presidente Vargas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.